FÃ CLUBE POTTERMANIACOS BRASIL! || [ANO 2] A Magia Nunca Acaba Para Nós!
segunda-feira, 25 de abril de 2011

PostHeaderIcon Bonnie Wright em Entrevista Para a Marie Clarie!


Então, começando pelo começo: Você pode nos dar algumas pistas sobre o último filme?

Muitas questões são respondidas e muitas coisas tristes e felizes acontecem. Há muitas mortes que serão infelizes. Mas é, eu acho que para nós e para o público, não é somente o clímax do filme, é o clímax de todos os 10 anos destes filmes. Eu acho que todos nós estamos esperando com o mesmo nível de ansiedade. A moral da coisa toda é, será que o bem finalmente é capaz de triunfar sobre o mal? Então eu acho que é bem satisfatório.
Você também interpretou uma versão de 35 anos de Gina no último filme. Foi estranho?
Foi realmente estranho porque quando você chega a fazer, você se olha no espelho e é você e não é você. Foi realmente estranho quando meus pais foram no set quando eu estava assim. Eles falavam, "Isso é realmente estranho." Eu estava com essas próteses finas embaixo de meus olhos para fazê-los ficar com olheiras e tinha uma peruca de cabelo curto.
Você tinha 10 anos quando interpretou pela primeira vez Gina. Como foi crescer sob os holofotes?
Para mim, a parte começou bem pequena e cresceu conforme eu fiquei mais velha, então funcionou bem porque eu ainda estava na escola. Felizmente para Dan [Radcliffe] e eu, nós moramos em Londres então íamos para casa e víamos nossos amigos no final de semana. Você tem que perceber que muito de sua vida pode ser como a vida de qualquer um. Você tem que ser condizido para ter esse equilíbrio ao invés de se perder no mundo do trabalho.
Como seu estilo evoluiu neste tempo?
Eu acho que quando eu era bem nova, eu sempre fui muito "moleque". E quando eu era "moleque", minha mãe sempre dizia, "Vamos lá, vamos colocar você em um vestido, só uma vez!" E eu dizia, "Não, é o meu corpo e eu vestirei o que eu quiser!" Então eu acho que a minha frase se manteve comigo. Eu nunca tive um stylist e sempre escolhi minhas próprias roupas.
Então como você descreveria seu senso de moda agora?Eu me sinto vistosa e eu decido o que vestir, e outras vezes eu apenas me visto meio casual. Eu gosto das coisas que me fazem sentir pronta para o dia. Cortes de roupas e peças de roupas são realmente importantes. Quando eu visto algo, eu me levanto muito mais de cabeça erguida já que eu amo vestir roupas.
Quem são alguns de seus designers favoritos?
Eu acho que no momento eu gosto muito de designers franceses. Eu acho eles muito bons em termos de casar este tipo roupa casual com formal. Pessoas como ABC ou Vanessa Bruno ou uma empresa francesa chamada Loft que é meu novo amor.
De quem você era mais próxima no set de Harry Potter?
É difícil. Para mim com a família Weasley, nós temos Rupert [Grint] e James e Oliver [Phelps] e Julie Walters, nós nos divertimos muito nestas cenas. Nós brincamos muito, e isso foi capaz de adicionar um sentimento mais natural para a família que fez de tudo para ficar unida.
Do quê vocês sentirão mais saudade?
Deus, muita coisa. Eu acho que só para as pessoas que começaram no primeiro ou no segundo filme, os sets do Estúdio Leavesden foram como nossa segunda vida. E assim sendo naqueles momentos entre tomadas quando estávamos nos sentando e conversando e rindo. Nós nunca seremos capazes de recriar esse certo grupo e esse certo ambiente.
Às vezes é muito difícil ir embora. Eu acho que nós nos conhecemos tão profundamente que J.K. Rowling não vai escrever outro livro sobre Harry Potter, então depois de fazer muito nós podemos descansar. Mas eu acho que para nós, as memórias irão ser tão vívidas por tanto tempo que quase parecerá que não foi há muito tempo atrás que estávamos lá.
Mas você está feliz por seguir em frente em interpretar o mesmo papel?
Sim, eu acho que todos nós estamos, realmente. Quero dizer que foi uma jornada muito longa com os personagens, mas chega um ponto onde há muito que você pode colocar em outra coisa.
Você pretende continuar com a atuação?
Eu estou no meu segundo ano de faculdade na University of London, University of the Arts no momento fazendo cinematografia. E eu começo um novo filme em junho deste ano que é um estúdio de filme americano em Jacarta na Indonésia, e eu acho que há dois outros atores australianos que estão nele, Rhys Wakefield e Sophie Lowe.
Agora, minha fome e vontade é realmente interpretar diversos papéis que forem possíveis. Eu acho que quando você está em um personagem por 10 anos, é um tempo muito longo. Para mim agora, as oportunidades são muitas, então é só aproveitar as melhores e escolher tudo certo.

Tradução da entrevista retirado do site  Bonnie Wright Brasil

0 comentários:

Postar um comentário

Guia de Madame Pince!